Os Vikings Perdidos – Heroes of the Storm

Vocês sabem de onde vieram os Vikings Perdidos?

Acredito que assim como eu, muitos de vocês olharam para esses três carinhas e pensaram “what a hell…?!”

Pois bem… Muitos de nós não sabíamos que Os Vikings Perdidos foram um dos primeiros jogos lançados pela Blizzard.

Na verdade não era nem Blizzard Entertainment o nome da empresa e sim, Silicon & Synapse, mas isso é assunto para uma outra postagem e algo que não vamos abordar agora.

O Fato é, que, se você não jogou este game, você ainda pode fazê-lo, basta baixar gratuitamente direto pelo site onde você cadastrou a sua conta.

Vikings Perdidos, o Jogo!

vikings-perdidos-the-lost-vikings-lore-hots

O primeiro jogo de plataforma e puzzle foi lançado em 1992 (aposto que muitos de vocês nem tinham nascido ainda).

Inicialmente para o Super Nintendo Entertainment System e depois para Amiga, DOS e Sega Mega Drive.

Já sua sequência, Os Vikings Perdidos II, foi lançado em 1997 para SNES.

Tanto no primeiro quanto no segundo jogo, os personagens principais são três vikings: Erik the Swift, Baleog the Fierce e Olaf the Stout.

Para resolver os puzzles, o jogador deve controlar os três vikings com segurança conforme avança cada nível.

Apesar de trabalharem em equipe, os vikings devem ser controlados um de cada vez, usando suas habilidades individuais.

Assim como no HotS, o jogo permite que o jogador dê continuidade ao jogo mesmo com a perda de um viking, mas para concluir o nível é necessário manter os três vivos.

Os Vikings Perdidos.

Vikings Perdidos é um jogo que começa com o sequestro dos três por Tomator, imperador de um império alienígena, fazendo com que os Vikings se percam em vários períodos do tempo.

Confira sugestões de builds

Eles conseguem escapar da espaçonave, mas para encontrar o caminho de casa, devem passar por mundos um tanto quanto estranhos.

Habilidades dos Viking Perdidos

Erik – Corre e pula mais alto do que os outros dois. Consegue quebrar paredes e acertar inimigos com seu capacete.

Baleog – Usa sua espada e arco para matar inimigos. As flechas do arco também são usadas para acertar interruptores distantes.

Olaf – Usa seu escudo para bloquear projéteis e inimigos. Além disso o escudo serve como asa-delta ou uma plataforma para que Erik possa alcançar alturas ainda maiores.

Os Vikings Perdidos II

Nessa parte da história, Erik, Baleog e Olaf conseguem voltar para suas casas e depois de uma viagem de pesca, são novamente sequestrados por Tomator.

Um guarda robótico é chamado para levá-los à arena, porém uma falha acontece no sistema.

Mais uma vez, os três vikings são enviados através do tempo, mas Olaf puxa um interruptor da máquina com os dizeres “Do Not Touch”, que ele havia confundido com “Donuts”.

vikings-perdidos-the-lost-vikings-II-lore-hots

Agora com novos equipamentos, os Vinking Perdidos devem lutar através do tempo para encontrar novamente o caminho de casa.

Durante esse tempo, eles fazem amizade com um dragão chamado Scorch e um lobo chamado Fang.

Habilidades dos Viking Perdidos II

Erik – Ele, que podia saltar mais alto do que os outros, agora possui botas turbo, que lhe permitem pular ainda mais alto. O capacete lhe permite nadar, sendo ele o único com essa habilidade.

Baleog – Seu arco e flecha é substituído por um braço biônico, lhe permitindo esmagar inimigos à distância. O Braço não possui o mesmo alcance das flechas, mas dão à Baleog habilidades como o uso de ganchos para pegar itens que outros Vikings não teriam acesso.

Olaf – Libera gases que o impulsionam para cima, permitindo que o personagem tenha uma visão aérea. Além disso, Olaf possui habilidade de asa-delta e ainda pode se encolher e passar por pequenas aberturas.

Fang – Pode saltar, escalar paredes e cortar seus inimigos com suas garras.

Scorch – Ataca bolas de fogo causando danos nos inimigos. Estas bolas também podem ser usadas para acionar alguns interruptores. Além disso, como um bom dragão, ele pode voar.22

Não deixe de conferir nossas notícias.

Esta postagem foi recuperada e atualizada, mas mantive os créditos do autor de origem.

Close